Na minha mémoria tão congestionada e
no meu coração tão cheio de marcas
e poços você ocupa um dos
lugares mais bonitos.
(CFA)

Um dia me disseram que “quanto mais alto o vôo, maior a queda”. Eu custo a acreditar nisso… Porque na verdade nunca tive medo de voar. E talvez esse ditado popular fosse uma maneira de conseguir oprimir desejos e planos otimistas. Eu vivo o hoje, mesmo que pense no amanhã. Não deixo de viver nunca por causa do medo de cair ou dar com a cara no muro. Realidade demais para você? Pra mim não, porque no meu reino sonho vira realidade, sim. E voar é para os que tem asas e não para qualquer um. Aqui, “quanto mais alto o vôo, mais bela a vista”.(Rainha de Copas)

Você reclama que eu falo demais e não digo nada, que eu tenho medo desse silêncio que você tanto admira. Minha necessidade não é de falar, é de ser ouvida. Você pode ter meu silêncio, se compreender o que dizem meus olhos. (Verônica Hess)

3 comentários:

Borboleta no Casulo disse...

Voar é preciso sempre, é bom e nos faz bem!!!Adoroo!1
Bjs

PARA ALÉM DA DIMENSÃO DE TI disse...

Como sempre um boco fantastico ..bom fim de semana.

Janaina Cruz disse...

Ah, as minhas asas sempre me levaram longe, toda vez que falei e não houve quem em entendesse...
Quando aprendi a falar com os olhos, aprendi que meus pés me levavam longe...rs
Uma linda semana pra ti menina :)