Tati Bernadi

Eu olho para você e tenho tanta, mas tanta
alegria em saber que você existe.


Só para ele eu me desmontei inteira porque
confiei que ele me amaria mesmo  eu sendo
desfigurada, intensa e verdadeira, como um
quadro do Picasso.

ღღღღ--ღღღღ--ღღღღ--ღღღღ--ღღღღ--ღღღღ

Eu  preciso  sentir que  você  ainda sente,  eu
preciso que  o  seu coração dê um  choque no
meu, eu   preciso  saber  que  seu  peito ainda
aperta  um  pouco quando eu vou embora e se
espalha  como  borboletas  nas   veias  quando
eu chego.

O tempo passou, eu continuei acordando e indo dormir todos os dias querendo ser mais feliz para ele, mais bonita para ele, mais mulher para ele. Até que algo sensacional aconteceu. Um belo dia eu acordei tão bonita, tão feliz, tão realizada, tão mulher que eu acabei me tornando mulher demais para ele. Ele quem mesmo?



Vou me enganar mais uma vez,
Fingindo que te amo às vezes,
como se não te amasse sempre.

ღღ--ღღღღ----ღღღღ--ღღღღ--

Você mente quando diz que
Foi  bom  enquanto   durou.
Se tivesse mesmo sido, teria
continuado. ou não?



2 comentários:

Shuzy disse...

Ele quem mesmo?

hahahaha

Ameiiiii

Mih_ disse...

✿Lindo post!
Tão doce e delicadas essas palavras!... todas com uma conctividade diferente!

há, tem selo no meu blog...
pegue o q vc ainda não tem, ok?!
;D

adoreii o seu cantinhooo!


Bjss...
Fica com DEUS...

♥_________Mih_
http://descalcapoesias.blogspot.com/